sábado, 20 de março de 2010

Tripa Lombeira






Meu pai preparava uma tripa lombeira de se tirar o chapéu. Recentemente procurei na Internet alguma receita e só encontrei a da saudosa Dona Zica, da Mangueira, que foi casada por muitos anos com o mestre Cartola. É o que mais se aproxima daquilo que meu pai fazia nas manhãs de domingos distantes e que aqui tentei reproduzir.

Ingredientes:

1 1/2 kg de bucho (dobrada, dobradinha)
400g de costela
400g de lombo
1/2 kg de batata inglesa
 2  cenouras
 2 Paios
100g de azeitonas verdes
4 tomates
4 limões
2 colheres de chá de pimenta do reino em pó
1/2 kg de feijão branco
2 cebolas
4 dentes de alho
2 folhas de louro


Modo de Preparar:
Lavar a dobradinha com água e limão
e cozinhar a dobradinha na panela de pressão com água,
pimenta do reino, sal e louro por uma hora ou até ficar
macia.
Cortar a dobradinha em tiras e reservar.
Cozinhar o feijão à parte e reservar.
Cortar e escaldar o lombo, o paio e a costela até
retirar o sal.
Aquecer o óleo, dourar as cebolas e o alho, Juntar os
tomates, os salgados e refogar.
Acrescentar água e deixar ferver.
Juntar a dobradinha, as cenouras cortadas em meia lua,
as batatas em corte sauté, as azeitonas, a salsa e o
feijão já cozido.

9 comentários:

  1. Adoro dobrada.......tb o meu pai fazia e eu nunca comi nada igual........
    pois bem a tua está com um aspecto divinal. E se me perguntas : comias?
    eu respondo-te de imediato: saia lá uma dose bem servida.........
    cumprimentos e bom domingo

    ResponderExcluir
  2. João, não tenho preconceito com a dobradinha. Meu marido e eu adoramos.
    Bom domingo!

    ResponderExcluir
  3. sinceramente nao é do que mais gosto mas têm muito bom aspecto

    ResponderExcluir
  4. Esse pato lembra da minha mãe, ela fazia muito para vender, e vendia super bem...mas eu mesma como todos os condimentos menos a dobradinha, não me acostumei com o gosto,
    abraços e ótima semana
    Paula

    ResponderExcluir
  5. Adoro dobrada.......tem mesmo aspecto de ser muito boa.

    ResponderExcluir
  6. Deve ter ficado deliciosa sua dobradinha, pelo menos linda ficou João, rsrsrs... Parabéns! Bjinhos

    ResponderExcluir
  7. assim como saudoso seu pai,aprendi com o meu, que era um Português a fazer tripa a lombeira, e como morador do RJ temos um sítio em Araras bem próximo de Itaipava, onde por várias vezes, comíamos esta delícia preparada por ele. hoje por acaso, estou fazendo este prato aqui em São Paulo, onde moro atualmente, aproveitando o friozinho que aqui faz.Realmente uma delicia.

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem-vindo, obrigado pela visita e... volte sempre!